A Câmara

Câmara de Vereadores inicia trabalhos legislativos referentes ao 2º semestre

A Câmara Municipal de Vereadores de Aurora realizou, neste sábado, 1º de agosto, a sua 11ª sessão ordinário do exercício 2015, no entanto, a primeira referente ao segundo semestre do corrente ano.
A Câmara Municipal de Vereadores de Aurora realizou, neste sábado, 1º de agosto, a sua 11ª sessão ordinário do exercício 2015, no entanto, a primeira referente ao segundo semestre do corrente ano.

A reunião contou com a presença de 09 dos 11 parlamentares que constituem aquela augusta casa legislativa, como também do prefeito municipal José Adailton Macedo (que diferentemente de gestores anteriores, costuma sempre participar das sessões).

Abrindo os trabalhos, o presidente da casa – o vereador Chico Henrique pediu para que todos ficassem de pé, para ouvir a entoação dos hinos Nacional e Municipal, seguido da leitura da ata anterior, discorrida pela secretária da casa, a professora Lucimar Bernardo Fernandes (Nininha).

O gestor municipal José Adailton Macedo – indagado pelo vereador Osasco Gonçalves acerca de problemas relacionados a esgotamento sanitário -, Adailton disse que essa é uma luta que vem de longe, com a empresa responsável pelo imbróglio, ou seja ,a Cagece, que infelizmente não tem cumprindo com a lei municipal aprovada pelos próprios vereadores, inclusive lembrou ao nobre parlamentar que quando ele (Osasco) era secretário de administração o problema também já havia tentado ser solucionado, mas que a Cagece nunca interessou-se pela solução definitiva do serviço.

Adailton Macedo discorreu também a respeito do problema com a Coelce, empresa que tenta de forma irresponsável repassar os serviços de manutenção de iluminação pública para a prefeitura, porém, o chefe do executivo municipal já afirmou que dessa forma só assina o documento sob determinação judicial, mas que mesmo assim o município já vem trabalhando no serviço, porém, com gastos limitados.

Na mesma oportunidade, os vereadores passaram a interrogar os engenheiros representantes da Transnordestina, que de forma clara e objetiva responderam todas as perguntas dos edis, com assuntos concernentes, principalmente a falta d’água, haja vista, que a empresa Marquise (responsável pela execução da obra) vem utilizando água de regiões ribeirinhas do Rio salgado, onde a população já teme por um colapso total.

O Engenheiro Civil, Jaime Maria Neto, explicou que o projeto de construção da ferrovia Transnordestina é muito complexo, e que toda e qualquer modificação do projeto tem que se submeter a avaliação de departamentos superiores, mas assegurou que o que tiver ao seu alcance fará de tudo para que nenhuma família aurorense seja prejudicada, até mesmo porque a obra veio para melhor a qualidade de vida dessas famílias, e não para prejudica-las.

O Presidente da Câmara, vereador Chico Henrique, discorreu acerca do problema que está acontecendo na localidade do sitio Santo Antonio, trecho onde a obra aterrou margens do Rio Salgado, que futuramente trará sérios prejuízos àquelas famílias. Contudo, ficou agendada para esta segunda-feira, 03 de agosto, uma visita ao local comprometido, com a presença do presidente do Poder Legislativo, Chico Henrique e os Engenheiros da Transnordestina.

Por fim, o prefeito Adailton Macedo classificou a reunião deste sábado, 1º de agosto, como ‘oportuna’. Haja vista, o rico conteúdo de discussão direcionado exclusivamente à população de Aurora.

 

Deixe seu comentário


Prefeitura Municipal de Aurora

Localização

AV. ANTÔNIO RICARDO, 43
CENTRO - 63.360-000
AURORA - CE

Redes Sociais